English Version

PRODUTOS | LINHA MT200

 

CONJUNTO DE MANOBRA E CONTROLE DE MÉDIA TENSÃO

 

A linha MT200 é uma solução para sistemas de distribuição em média tensão classe 17,5KV, que adota o conceito de continuidade de serviço, garantido acessibilidade segura em alguns de seus compartimentos, mantendo o conjunto operacional. Disponível para instalação abrigada e ao tempo. O produto é ensaiado e fabricado conforme a norma NBR IEC 62271-200:2007.


Sua forma construtiva é composta por compartimentos metálicos distintos e segregados, categoria LSC2B-PM, de acordo com a norma de referência, dividindo o equipamento de manobra ou proteção (disjuntor, contator ou seccionador), o barramento principal e a conexão dos alimentadores externos.

 

Todos esses compartimentos são equipados com dispositivos que permitem, de forma confiável e segura, o alívio de sobre pressões internas.

 

Os disjuntores principais podem ser fixos ou extraíveis. No caso de disjuntores extraíveis, a transição entre as posições “inserida”, “teste” e “extraída” é feita com a porta de acesso ao compartimento do disjuntor fechada.


Acessórios como detector capacitivo de presença de tensão, chave terra intertravada com o disjuntor de referência, transformadores de potencial em carrinho extraível, estão disponíveis para essa linha de produto.


Ensaios de rotina previstos em norma são realizados em todos os conjuntos, depois de finalizada a montagem, a fim de detectar falhas em materiais e também falhas de fabricação. Seus resultados são identificados em um relatório de inspeção, individual por conjunto de manobra, entregue ao cliente juntamente com o produto final.


Sua vasta linha de configurações garante a adequação a todo tipo de combinação para distribuição, manobra, proteção, medição e controle que seu projeto necessitar.

 
  • Características Construtivas

    • Dimensões – Altura: 2300 até 2600mm., Largura: 400 até 1000mm., Profundidade: 1600 até 1900mm. (dependendo da configuração);
    • Estrutura fabricada em chapa de 2,65mm. (12MSG), com tratamento por fosfatização orgânica;
    • Portas, teto, compartimento de comando e tampas fabricadas em chapa de 2,65mm. (12MSG), com tratamento por fosfatização orgânica;
    • Base soleira e molduras fabricadas em chapa de 2,65mm.;
    • Compartimentos separados por divisórias e/ou obturadores metálicos;
    • Operação de inserção e extração das unidades funcionais com a porta fechada;
    • Chapas com acabamento padrão na cor RAL 7032 ou Munsell N6,5, pintura eletrostática a pó poliéster – 80 micras;
    • Abertura das portas com ângulo de 180 graus;
    • Dobradiças embutidas e pinos em aço carbono ou inox;
    • Perfis de vedação;
    • Fecho com trava labirinto de até 4 Pontos com chave yale;
    • Compartimento de baixa tensão provido de fecho tipo T com chave yale;
    • Pontos de aterramento através de tips na estrutura e fechamentos e portas;
    • Tampa de alivio de pressão na parte superior de cada célula;
    • Duto de condução de gases conforme especificação;
    • Olhais de içamento;
    • Isolação a ar;
    • Disjuntor de proteção com isolação a vácuo;
    • Isoladores em epóxi, garantindo resistência aos esforços mecânicos ao longo dos barramentos de cobre;
    • Resistente a arco interno (classificação IAC) AFLR;
    • Dispositivos de lacre conforme normas das concessionárias;
    • Intertravamentos entre as unidades funcionais conforme especificação;
    • Seccionadora de aterramento para segurança e proteção conforme especificação;
    • Sinalização de presença de tensão conforme especificação;
    • Grau de proteção – IP4X (abrigado) / IP54 (ao tempo);
    • Identificações que contribuem com a manobra segura dos equipamentos e alertam contra contatos ou operações indevidas.

  • Características Elétricas

    • Tensão nominal – 17,5kV;
    • Tensão suportável nominal de impulso atmosférico - 95kV;
    • Tensão suportável nominal à frequência industrial – 38kV;
    • Tensão nominal de alimentação de dispositivos de fechamento e abertura e de circuitos auxiliares – conforme projeto;
    • Frequência nominal – 60Hz;
    • Corrente nominal de regime contínuo – 1250A;
    • Corrente suportável nominal de curta duração – 25kA/1s
    • Valor de crista da corrente suportável nominal – 65kA;
    • Corrente e duração de ensaio de arco – AFLR/25kA-1s.

  • Ensaios conforme ABNT NBR IEC 62271-200

    • Ensaio de elevação de temperatura – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 08/2010;
    • Ensaio de corrente suportável de curta duração e valor de crista da corrente suportável em circuitos principais e em circuitos de aterramento – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 09/2010;
    • Ensaio de operação mecânica – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 09/2010;
    • Ensaio de grau de proteção – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 09/2010;
    • Ensaio de tensão à frequência industrial – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 10/2010;
    • Ensaio de tensão de impulso atmosférico (NBI) – Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE) - 10/2010;
    • Ensaio de arco interno – Centro de Pesquisas de Energia Elétrica (CEPEL) -12/2010.

  • Acessibilidade / Continuidade de serviço do conjunto

    Tipo de acessibilidade A: restrito somente ao pessoal autorizado;
    F: face frontal acessível;
    L: face frontal acessível;
    R: face posterior acessível;
    LSC2B-PM: Categoria LSC2B (continuidade de serviço do conjunto): quando do acesso aos componentes de uma unidade funcional, as outras unidades funcionais do conjunto de manobra e controle podem ser mantidas em serviço;os cabos que chegam à unidade funcional acessada podem ser mantidos energizados.

    Classe PM (divisão interna): os compartimentos abertos são cercados por divisões metálicas.
  • Clique para ampliar

  • Clique para ampliar

  • Clique para ampliar

  • Clique para ampliar